Revista UFO - Portal da Ufologia Brasileira - A mais antiga revista sobre discos voadores do mundo

ENTREVISTAS

Por Fernando A. Ramalho

Paulo Cosmelli: ETs em Portugal, muito além de Fátima

É clara a intervenção de uma inteligência superior em nosso mundo, tanto de forma material como espiritual. E esta intervenção alterou o curso da história humana

Categoria: APARIÇÕES MARIANAS | ESPIRITUALIDADE | UFOs E RELIGIOSIDADE

Certas regiões do globo terrestre apresentam maior número de registros de avistamentos de UFOs e contatos com seus tripulantes, geralmente proporcionais à sua densidade populacional, condição que se reflete no número de testemunhas do fenômeno. Se tomarmos a média casuística mundial, com algumas exceções, veremos que os relatos estão mais ou menos bem distribuídos geograficamente — e eles chegam de todas as partes do globo. Contudo, são esses curiosos desvios de regra — as referidas exceções — que mais chamam a atenção dos ufólogos por suas particularidades, que vão desde diferenças territoriais de ordem física — como características geomorfológicas ou geológicas —, até fatores histórico-sociais, dentre os quais podemos incluir os de natureza religiosa.

Apesar de ter um território relativamente pequeno em relação a outros países, Portugal é uma nação que se destaca como prodigiosa nas referidas exceções, pois é rica num tipo específico de fenômeno, identificado religiosamente como “aparições marianas”, em referência ao ícone cristão Maria, mãe de Jesus. Tais manifestações, cujos relatos em todo o mundo hoje ultrapassaram a casa das centenas, com casos inclusive no Brasil, não eram objeto de estudo da Ufologia até a década de 80. Contudo, passaram a sê-lo quando ufólogos portugueses notaram que em alguns casos recentes, assim como em outros mais antigos, havia efeitos e vestígios claros da presença de UFOs nos cenários das aparições, que efetivamente não tinham nada de religiosas. Tais fatos são incontestáveis e estão até mesmo descritos em documentos, inclusive com relatos dando conta de que havia o que passou a se chamar de “dança do Sol” ou “milagre do Sol” no firmamento.

Outros países também merecem destaque nesta fenomenologia, tais como a França, com ocorrências em Tilly-sur-Seuilles (1901), Espis (1946) e Kerezinen (1953), a Bélgica (1933) e Itália (1944), com casos em Acquaviva Platani (1950), San Damiano (1965), Tre Fontane (1982) e Borrelo (1988). Até na Bósnia Herzegovina, ex-Iugoslávia, temos importantes casos, como os de Medjugorje (1981 e 1982), assim como em Ruanda, na localidade de Kibeho (1983). Enfim, as chamadas aparições marianas estão por todo o mundo, sendo vistas como um fenômeno religioso quando têm, na verdade, sólidos componentes ufológicos.

Estudo ecumênico e sociedades secretas

Portugal se destaca neste contexto por ter dois dos casos mais documentados de aparições marianas da história, que são os de Fátima, em 1917, e de São Miguel dos Açores, em 1998. Na visão mais cuidadosa de estudiosos desta fenomenologia, há uma diferença fundamental específica nos casos que envolvem os “milagres do Sol” e suas mensagens.

Atenção
Para continuar lendo este artigo, você deve se cadastrar no Portal UFO.
O cadastramento é gratuito e dá acesso a todo o conteúdo do site. Basta clicar aqui.
Caso já tenha cadastro, conecte-se na home do site ou clique aqui.
ENQUETE
  GENIAIS.COM   
Edição 256
Sumário Edições anteriores

CENTRAL DE ATENDIMENTO

(67) 3341-8231
Horário: das 09h00 às 18h00, de segunda a sexta (exceto feriados)

FORMAS DE PAGAMENTO

Formas de pagamento

NOTÍCIAS MAIS VISUALIZADAS

+ NOTÍCIAS
2011 © Editora Evolução Ltda.
Todos os direitos reservados. Termos de Uso. Declaração de privacidade.